Tempo
|
A+ / A-

​Covid-19

Papa deseja rápida recuperação do turismo "duramente" atingido pela pandemia

27 set, 2020 - 12:53 • Agência Ecclesia

Francisco assinalou o Dia Mundial do Turismo. Vaticano pede aos governos que promovam o “turismo responsável”, com “respeito pelo meio ambiente e pelas culturas”.

A+ / A-
Papa apela a rápida recuperação do turismo "duramente" atingido pela pandemia
Papa apela a rápida recuperação do turismo "duramente" atingido pela pandemia

Veja também:


O Papa assinalou este domingo no Vaticano o Dia Mundial do Turismo, destacando que a pandemia atingiu “duramente este setor, tão importante para muitos países”.

"A pandemia atingiu duramente este setor tão importante para tantos países. Dirijo um encorajamento a todos os que trabalham no turismo, em particular às pequenas empresas familiares e aos jovens. Espero que todos possam, quanto antes, ultrapassar as atuais dificuldades", disse, após a recitação da oração do ângelus, na Praça de São Pedro.

A Santa Sé também alertou, na sua mensagem para o Dia Mundial do Turismo, que se celebra hoje, sobre o impacto da pandemia no setor e a necessidade de implementar modelos mais sustentáveis.

“Num período de incerteza nos movimentos de pessoas, nas quais o turismo sofre as maiores consequências de maneira imediata e direta, acreditamos que devemos agir para apoiar o rendimento dos trabalhadores deste setor, bem como para o cuidado e a defesa das comunidades das áreas rurais mais frágeis, em cada território”, refere o texto, assinado pelo presidente do Dicastério para o Serviço do Desenvolvimento Humano Integral, cardeal Peter Turkson.

“O turismo responsável e sustentável, aproveitando os recursos e atividades locais, é desejável como um dos pontos de inflexão na luta contra a pobreza, que a pandemia Covid-19 tem aumentado exponencialmente”, adverte o colaborador do Papa.

O Vaticano pede aos governos que promovam o “turismo responsável”, com “respeito pelo meio ambiente e pelas culturas”.

A mensagem para o 41.º Dia Mundial do Turismo fala num cenário “inquietante” de crise, sublinhando o “amplo horizonte da fraternidade e da solidariedade”.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

  • Ivo Pestana
    27 set, 2020 Funchal 17:14
    Sim Santo Padre, mas que venham as vacinas e as pessoas que cumpram as regras.