|

 Casos Ativos

 Internados

 Recuperados

 Mortes

Ribeiro Cristovão
Opinião de Ribeiro Cristovão
A+ / A-

Um tiro no porta-aviões

16 set, 2020 • Opinião de Ribeiro Cristovão


A equipa comandada por Jorge Jesus foi ao tapete, sofreu uma derrota humilhante e lançou sombras sobre o seu futuro mais imediato.

Para o Benfica começou da pior maneira a temporada oficial de futebol.

Chamado a competir na Liga dos Campeões, a equipa comandada por Jorge Jesus foi ao tapete, sofreu uma derrota humilhante e lançou sombras sobre o seu futuro mais imediato.

Na Grécia, o Benfica entrou frente ao PAOK como favorito, tão claras eram, à partida, as diferenças entre a qualidade dos jogadores das duas equipas em confronto.

E a primeira parte do jogo no Toumba até confirmou essa imagem. No entanto, faltaram os golos que os encarnados justificaram mas não foram capazes de marcar. Na segunda parte, a face do jogo alterou-se, com os gregos a tomarem conta das operações e, mais agressivos, foram mesmo capazes de marcar por duas vezes, definindo muito cedo o desfecho.

Ganhou a formação mais eficaz, que mereceu chegar ao fim em vantagem, e atirou os portugueses borda fora de uma competição na qual haviam depositado justificadas aspirações. Um fiasco que ressuscita fantasmas de Luis Filipe Vieira e de Jorge Jesus, e que comporta consequências de tomo.

Antes de mais, a impossibilidade de encaixar, à partida, quarenta milhões de euros, uma almofada importante e indispensável para acautelar o futuro do Benfica. Sem essa verba, os propósitos do clube encarnado fazem marcha-atrás de forma irreversível.

Depois, deitam por terra o propósito de continuar a atacar o mercado, para assim garantir a contratação de jogadores de que o técnico continua a dizer necessitar. Luis Filipe Vieira já investiu mais de oitenta milhões e, apesar das exigências do seu treinador, vai ter de abandonar a política seguida até aqui.

Ainda, a necessidade de vender o passe de alguns jogadores. Só que, depois do desafio de ontem, do qual alguns saíram claramente desvalorizados, o Benfica vai ter de baixar claramente a fasquia das suas pretensões.

Por exemplo, Vinicius vê a sua cotação baixar inapelavelmente: ficou no banco durante largo tempo e, quando foi lançado no jogo, a sua produção não foi além do zero.

Finalmente, as eleições. O desaire de Salónica poderá não significar já uma derrota de Vieira, mas não restam dúvidas de que entre a nação benfiquista o debate vai subir de tom, gerando algum desconforto ao actual presidente e candidato à recondução.

Artigos AnterioresRibeiro Cristovão

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

  • Carlos Vieira
    16 set, 2020 Algueirão-Mem Martins 15:18
    Mais uma vez o basófias enterrou o Benfica. Não foi o FLV o culpado, ele não joga, nem escala equipas para jogos. O JJ anda sempre em bicos de pés, não passa de um treinador normalíssimo (Vidé: Rui Vitória com muito menos passou lá uma eleminatória 1-4). Meio campo = ao do ano passado, Weigl e Taarabt uma nulidade, entramos sempre com -2 e na frente Seferovic que não tem golo. Andámos a 1ª parte a passar o tempo sem oportunidades de golo e na 2ª o mesmo filme do ano passado (Santa Clara, Marítimo..etc.). Agora vende o Rúben Dias que é o único que terá mercado, o Vinicius passou de titular a 3º avançado, assim, é desmotivante. Outra coisa que ninguém fala, equipa técnica maioritariamente sportinguista, quer com isto dizer que não sentem tanto a derrota como nós os verdadeiros benfiquistas, eles estão lá só para sacar €€€€€€€. Para mim está que visto, a época novamente em sobressaltos! Sr. JJ, nunca vi uma casa ser construída pelo telhado, quero com isto dizer que, LD - André Almeida, uma nulidade, LE - Grimaldo, muito baixinho para lateral, bolas nas costas, é um fartote, ataca bem, mas não sabe defender. Outra Sr. JJ, já enterrou o SLB em 3 milhões, parece que o Gilberto não conta, quem o pediu, adivinhem? Bem me queria parecer que acertara,, JJ, claro! Guarda-redes fraquinho, 2º golo muito mal batido, em vez de se atirar a escorregar pela relva, atirou-se primeiro para o ar. Claro que quando chegou ao chão a bola já tinha passado, analisem bem o lance e digam lá!
  • Cidadao
    16 set, 2020 Lisboa 11:37
    Quanto muito, devem cessar as compras, agora vender é uma asneira a acrescentar a anos e anos de desinvestimento, para investir tudo numa jogada de tudo ou nada em ano eleitoral. Se vender, não terá o encaixe pretendido e apesar de aliviar a folha salarial, depois joga com quem? E estará a dar razão aos que dizem que isto foi tudo eleitoralismo, o que lhe pode sair caro em Outubro, sem Champions nem equipa. Se ganhar Campeonato mais Taça de Portugal e chegar à final da Liga Europa, pode dizer-se que a época foi boa e esquecer o desaire logo no primeiro jogo. Mas tem de ter equipa para isso.