|

 Casos Ativos

 Internados

 Recuperados

 Mortes

A+ / A-

Messi junta-se a Ronaldo no grupo dos bilionários da Forbes

15 set, 2020 - 14:26 • Lusa

Na lista dos mais bem pagos em 2020, Ronaldo aparece atrás de Messi, no segundo lugar, com 117 milhões de dólares (98,3 ME), e do brasileiro Neymar, com 96 milhões (80 ME)​.

A+ / A-

O argentino Lionel Messi juntou-se ao português Cristiano Ronaldo e tornou-se o segundo futebolista da história a ultrapassar a marca do mil milhões de dólares em receitas durante toda a carreira, de acordo com a revista Forbes.

Segundo a publicação norte-americana, especializada em negócios e finanças, Messi será o jogador de futebol mais bem pago do mundo em 2020, com 126 milhões de dólares (107 milhões de euros), incluindo 92 milhões (77 ME) em salários pagos pelo FC Barcelona e 34 milhões (28,5 ME) em parcerias e acordos de patrocínios.

Com estes números, o avançado argentino, que esteve perto de abandonar o FC Barcelona nas últimas semanas, junta-se ao restrito grupo dos ‘bilionários’ do mundo do desporto, em que já estava Ronaldo, assim como o golfista Tiger Woods, o ex-pugilista Floyd Mayweather e o ex-basquetebolista Michael Jordan.

Na lista dos mais bem pagos em 2020, Ronaldo aparece atrás de Messi, no segundo lugar, com 117 milhões de dólares (98,3 ME), e do brasileiro Neymar, com 96 milhões (80 ME).

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.