|

 Casos Ativos

 Internados

 Recuperados

 Mortes

A+ / A-

Jogador do Hamburgo sobe bancada e agride adepto

15 set, 2020 - 09:56 • Redação

Numa altura em que na Alemanha se está a testar o regresso do público ao futebol, Toni Leistner, defesa do Hamburgo, violou as regras de prevenção de contágio por Covid-19.

A+ / A-

Toni Leistner é o protagonista de uma cena que está a correr o mundo. O central do Hamburgo, após a derrota com o Dynamo de Dresden, na Taça da Alemanha, subiu à bancada e empurrou um adepto da equipa contrária.

Leistner estava na zona da "flash interview", após a derrota pesada, por 4-1, quando irrompeu entre adeptos para se dirigir ao seu alvo. A entrevista ocorreu a poucos metros da bancada e o jogador terá sido insultado, enquanto prestava declarações.

A intervenção de outros adeptos e de elementos da segurança privada foi pronta e o Leistner, segundos depois, regressou ao relvado, já depois de, também ele, ter sido empurrado.

Episódio que adquire uma dimensão maior, por acontecer numa altura em que o futebol está sob restrições rigorosas devido à pandemia de Covid-19. Leistner não respeitou, desde logo, as regras de distanciamento social e foi sem máscara que, intempestivamente, subiu a bancada para confrontar o adepto.

Tudo isto a acontecer quando na Alemanha se está a testar o regresso do público ao futebol. Neste desafio da 1.ª eliminatória da taça estavam cerca de 10 mil espectadores nas bancadas do Estádio de Dresden, que tem cerca de 30 mil lugares.

Toni Leistner, de 30 anos, é natural de Dresden e foi jogador do Dynamo. O clube já reagiu e emitiu uma mensagem de compreensão, apesar de reprovar o comportamento do seu antigo jogador. "Na hora do sucesso demos mostrar humildade e gratidão. As pessoas cometem erros, sim, mas Toni Leistner é um menino de Dresden que tem o coração no lugar certo", escreveu o clube, nas redes sociais.

O clube considerou, por outro lado, "vergonhoso" o comportamento de quem insultou o jogador e assume o compromisso de tentar identificar o adepto.

Leistner chegou, esta época, ao Hamburgo, clube que disputa a segunda divisão de Alemanha, a custo zero, depois de terminar contrato com o Queens Park Rangers, de Inglaterra. O Dynamo de Dresden vai jogar na terceira divisão e surpreendeu o adversário, na 1.ª eliminatória da taça.

Tópicos
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.