|

 Casos Ativos

 Internados

 Recuperados

 Mortes

A+ / A-

Pandemia de Covid-19

Governo elogia Santuário de Fátima pela resposta à enchente de 13 de setembro

14 set, 2020 - 14:29 • João Carlos Malta

No último domingo, o Santuário de Fátima teve de fechar as entradas no recinto, durante a realização da peregrinação de setembro deste domingo, por ter atingido a lotação de segurança prevista no seu plano de contingência. O secretário de Estado disse que a Igreja Católica se tem notabilizado pela forma como respondeu às ameaças do vírus.

A+ / A-

Veja também:


O secretário de Estado da Saúde, António Lacerda Sales, disse, esta segunda-feira, na conferência de imprensa da DGS, que o Santuário de Fátima não estaria à espera de receber tantas pessoas no recinto por altura da peregrinação do 13 de setembro, mas que "quando se apercebeu do número de pessas fechou as entradas".

"A instituição já reconheceu isso mesmo", disse o governante. Sobre o incidente, Lacerda Sales referiu ainda que a Igreja Católica tem um histórico de bom comportamento para com as autoridades de saúde durante o combate à epidemia do Covid-19. “Gostaria de recordar que a Igreja Católica teve, no passado recente, um histórico de comportamento exemplar e de diálogo constante e permanente com as autoridades de saúde.”

Lacerda Sales acrescentou que "a instituição já pediu uma reunião ao nosso gabinete, o que revela bem a postura da instituição".

O Santuário de Fátima teve de fechar as entradas no recinto, durante a realização da peregrinação de setembro deste domingo, por ter atingido a lotação de segurança prevista no seu plano de contingência. Segundo Carmo Rodeia, porta-voz do Santuário, foi a primeira vez que tal aconteceu durante o período de desconfinamento.

“Encerrámos por completo as entradas pelos túneis e monitorizámos, com a colaboração da GNR, todas as restantes entradas”, explicou a porta-voz à Renascença, revelando ainda que, desde agosto, têm vindo a monitorizar as entradas, pois “as pessoas têm participado muito na missa dominical às 11h00”.


Em relação ao 13 de outubro, o próximo evento religioso que promete juntar muita gente em Fátima, o secretário de Estado da Saúde, António Lacerda Sales, diz acreditar que o Santário tudo fará para estar preparado e para programar esse dia e, asssm, "respeitar a comunidade" e "respeitar as regras da DGS".

O Santuário de Fátima justificou a maior afluência de pessoas ao recinto apor este ano, a peregrinação ter coincidido com um fim de semana.

Nas últimas 24 horas, a Direção-Geral da Saúde registou mais quatro mortos e mais 613 infetados com Covid-19.

De acordo com o relatório da DGS, há neste momento 18.540 casos ativos da doença em todo o país.

O documento dá conta ainda de um aumento de 25 casos internados em unidades hospitalares. Há agora 477 pessoas internadas, 61 das quais em cuidados intensivos (mais quatro do que no domingo).
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.