MINUSCA

Militares portugueses entram em combate na Rep. Centro-Africana

03 set, 2020 - 08:16 • Sofia Freitas Moreira (edição) Forças Armadas (imagens)

No final de julho, militares portugueses participaram numa ação de combate em Bocaranga, na República Centro-Africana. A companhia portuguesa integra a Missão Multidimensional Integrada das Nações Unidas para a estabilização da República Centro-Africana (MINUSCA). A operação surgiu depois de ataques realizados pelo grupo armado 3R (Regresso, Reclamação, Reconciliação), que não cumpriram com os Acordos de Paz de fevereiro de 2019. Na ação foi detetado, através de drones, um acampamento a 10 Km de Koui, onde se encontravam elementos armados com RPG e espingardas de assalto. Não houve feridos do lado português.

RSS iTunes URL Embed E-mail Facebook Twitter Whatsup Comentários
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.