Tempo
|
A+ / A-

Casillas pendura luvas. “Grande guarda-redes e grande homem”

04 ago, 2020 - 23:15 • Redação

Guarda-redes espanhol confirmou o fim de carreira e foram várias as reações.

A+ / A-

Iker Casillas oficializou, esta terça-feira, a despedida dos relvados e durante o dia foram muitas as reações.

Cristiano Ronaldo deixou mensagem através da conta oficial no Instagram.

“Foi um prazer ter partilhado grandes momentos contigo”, escreve CR7.

Os dois jogadores cruzaram-se no Real Madrid entre 2009 e 2015.

O Real Madrid, clube onde Casillas passou grande parte da carreira, também não ficou indiferente.

“Perante o anúncio de Iker Casillas sobre a sua retirada do futebol como jogador profissional, o Real Madrid querer deixar o seu reconhecimento, admiração e carinho a uma das maiores lendas do nosso clube e do futebol mundial”, escreveram os merengues.

“O maior guarda-redes da história do Real Madrid e do futebol espanhol chegou a nossa casa com nove anos. Aqui se formou e defendeu a nossa camisola ao longo de 25 anos, tendo-se tornada num dos nossos capitães mais emblemáticos. Iker Casillas conquistou o carinho do madridismo e é uma referência daquilo que representam os valores do Real Madrid”.

Já os dragões, clube em que o espanhol terminou a carreira após um problema de saúde, partilharam um vídeo com imagens de Casillas em vários momentos no clube, escrevendo: “Obrigado Iker Casillas: para sempre um de nós”.

Também José Mourinho não esqueceu este “grande guarda-redes e grande homem”.

O técnico destacou “a inteligência e maturidade de Casillas fizeram como que sempre nos respeitássemos e, mais tarde, até conseguimos cultivar uma amizade honesta.”

“É um guarda-redes histórico do Real Madrid, da seleção espanhola e do futebol mundial. Com ele ganhei a Liga dos recordes [época 2011/2012] e tive momentos difíceis devido à minha decisão profissional, e nunca pessoal, de colocar outro companheiro na baliza”.

Pedro Proença, presidente da Liga, sublinhou a importância que o guarda-redes espanhol teve para o futebol português com a sua passagem pelo FC Porto.

“Retirou-se hoje oficialmente uma lenda do futebol. Um atleta de eleição com uma carreira fantástica, que tivemos o privilégio de poder ver atuar nos nossos relvados e que muito contribuiu para a promoção internacional da nossa Liga", escreveu Pedro Proença nas redes sociais.

Casillas fez 725 jogos pelo Real Madrid, em 16 épocas, e 116 pelo FC Porto.

O guarda-redes conquistou 5 campeonatos de Espanha, duas Taças do Rei, duas Supertaças Europeias, três Ligas dos Campeões, um Mundial de Clubes, duas taças intercontinentais, duas Ligas, quatro Supertaças de Espanha, uma Supertaça de Portugal e uma taça de Portugal. Pela seleção, Casillas fez 167 partidas e conquistou um mundial e dois campeonatos europeus.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.