Tempo
|
A+ / A-

Cinco bombeiros feridos no combate a incêndio de "grandes dimensões" em Castro Verde

13 jul, 2020 - 19:02 • Redação

Dois dos bombeiros feridos estão em estado considerado grave. Incêndio mobiliza mais de uma centena de operacionais e três meios aéreos.

A+ / A-

Pelo menos cinco bombeiros ficaram feridos no combate ao fogo de grandes dimensões que lavra em Castro Verde, distrito de Beja. Ao que a Renascença apurou junto de fonte do Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Beja, dois dos bombeiros estão em estado considerado grave.

No local esteve um helicóptero do INEM. Os feridos foram estabilizados e o mais grave retirado de helicóptero.

A EN 2 foi cortada ao trânsito entre Castro Verde e a localidade de Carregueiro devido a este incêndio com duas frentes que mobilizou 144 operacionais, três meios aéreos e 49 viaturas.

Fonte do Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Beja adiantou que o alerta foi dado às 17h07, tendo o fogo de "grandes dimensões" em áreas de mato e seara deflagrado em Lagoa da Mó, perto de Casével, no concelho de Castro Verde.

[Notícia atualizada às 01h32]

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.