|

 Casos Ativos

 Suspeitos Atuais

 Recuperados

 Mortes

A+ / A-

Morreu segundo militar da GNR atingido por viatura na A1

13 jul, 2020 - 16:34 • Redação

A cabo Vânia Martins tinha 31 anos e não resistiu aos graves ferimentos provocados pelo acidente rodoviário do passado dia 7 de julho.

A+ / A-

Morreu um segundo militar da GNR que foi abalroado por uma viatura na autoestrada A1, avançou esta segunda-feira a Guarda Nacional Republicana.

A cabo Vânia Martins tinha 31 anos e não resistiu aos graves ferimentos provocados pelo acidente rodoviário do passado dia 7 de julho.

“A Guarda Nacional Republicana está de luto. As sentidas condolências à família e amigos da militar do Destacamento de Trânsito de Santarém, que faleceu hoje, vítima do trágico acidente do dia 7 de julho, zelando pela segurança dos cidadãos”, refere uma mensagem publicada nas redes sociais da GNR.

O ministro da Administração Interna, Eduardo Cabrita, também já lamentou a morte da militar.

“Foi com profunda tristeza que tomei conhecimento do falecimento da Cabo Vânia Martins, na sequência do grave acidente ocorrido no cumprimento da sua missão, numa patrulha do Destacamento de Trânsito da GNR de Santarém. Em nome do Governo, transmito um voto de pesar e de solidariedade aos familiares, amigos e a todos os militares da Guarda Nacional Republicana”, diz Eduardo Cabrita, em comunicado.

O acidente de 7 de julho, na zona de Santarém, provocou a morte a outro elemento da GNR, de 27 anos.

A viatura da Guarda estava a sinalizar um acidente na A1 quando foi abalroada por uma viatura.

Tópicos
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.