|

 Casos Ativos

 Suspeitos Atuais

 Recuperados

 Mortes

A+ / A-

Câmara de Paços de Ferreira encerrada após casos Covid-19. Autarca está infetado

08 jul, 2020 - 10:00 • Liliana Monteiro

Já nos últimos dias uma Escola Básica e uma fábrica de móveis do concelho foram encerradas depois de confirmados nove casos positivos.

A+ / A-

Veja também:


A Câmara de Paços de Ferreira está temporariamente encerrada, depois de terem sido detetados mais quatro casos positivos de Covid-19 entre os trabalhadores. O autarca Humberto Leão de Brito é um dos infetados.

Em comunicado, o município do Norte informa que todos os trabalhadores no edifício sede da autarquia fizeram testes, tendo sido detetadas quatro situações. “Aguardam-se, ainda, os resultados da totalidade dos testes de despistagem realizados ontem e que deverão ser conhecidos ao longo das próximas horas”, pode ler-se no texto colocado no Facebook.

Os quatro infetados com o novo coronavírus resultam dos testes realizados, na terça-feira, a todos os funcionários, depois de naquele dia ter sido conhecido um caso positivo num colaborador do município do distrito do Porto.

A autoridade de saúde pública local, em articulação com a autarquia, “face à situação descrita, decidiu pelo encerramento temporário do edifício sede do município, encontrando-se todos os colaboradores em isolamento obrigatório para os que foram testados positivos e isolamento profilático para os demais”.

Os contactos com o município continuarão a estar disponíveis e via telefone e email. “Apesar dos constrangimentos a Câmara Municipal, os seus funcionários e todo o executivo, não deixarão de continuar a trabalhar, garantindo aos munícipes toda a ajuda e colaboração necessária, sobretudo num momento tão complexo e difícil que o concelho, o país e o mundo atravessam”, adianta o comunicado.

Autarca confirma situação através das redes sociais

"Cumpre-me o dever público de informar a população do meu concelho que fui dos colaboradores da Câmara Municipal que testaram positivo", informa Humberto Leão de Brito.

No texto, aproveitou para sublinhar que no exercício das suas funções sempre procurou “sensibilizar a população do concelho para os riscos de contaminação que todos corremos e para a adopção de todas as medidas comportamentais de respeito pela saúde própria e dos outros”, o autarca disse ser “um cidadão igual aos outros” e pede “respeito” e “amizade” neste momento particular.

Já nos últimos dias uma Escola Básica e uma fábrica de móveis do concelho foram encerradas depois de confirmados nove casos positivos.

Em Portugal, morreram 1.629 pessoas das 44.416 confirmadas como infetadas, de acordo com o boletim mais recente da Direção-Geral da Saúde.


[notícia atualizada às 11h30 com a informação do autarca]

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.