|

 Casos Ativos

 Internados

 Recuperados

 Mortes

A+ / A-

Costa reafirma que Centeno pode ser “excelente governador do Banco de Portugal"

07 jul, 2020 - 23:33 • Lusa

Primeiro-ministro deixou elogios ao ex-ministro das Finanças após encontro com primeiro-ministro italiano.

A+ / A-

O primeiro-ministro considera que o seu ex-ministro das Finanças Mário Centeno "tem todos os créditos" para ser um excelente governador do Banco de Portugal e defendeu que os portugueses conhecem o seu percurso.

Esta posição foi transmitida por António Costa numa conferencia de imprensa conjunta com o primeiro-ministro italiano, Giuseppe Conte, em São Bento, depois de interrogado sobre a sua expectativa em relação à audição do seu ex-ministro das Finanças Mário Centeno no Parlamento, na quarta-feira.

Mário Centeno vai ser ouvido na Comissão de Orçamento e Finanças da Assembleia da República - audição obrigatória por lei antes de poder suceder a Carlos Costa no cargo de governador do Banco de Portugal, embora não tenha tem caráter vinculativo.

"Tenho a certeza de que a audição do professor Mário Centeno confirmará o que todos os portugueses foram sabendo sobre ele ao longo destes cinco anos enquanto ministro das Finanças", declarou António Costa.

O primeiro-ministro afirmou depois Mário Centeno é "um grande economista e um grande profissional que foi um excelente ministro das Finanças".

"Portanto, tem todos os créditos para poder ser um excelente governador do Banco de Portugal", acrescentou.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.