Tempo
|
A+ / A-

Boris recebeu Luís, o enfermeiro português que cuidou dele no hospital

06 jul, 2020 - 10:06 • Redação

O enfermeiro natural do Porto, tem 29 anos, e permaneceu durante 48 horas ao lado do primeiro-ministro.

A+ / A-

O primeiro-ministro britânico recebeu Luís Pitarma, o enfermeiro que cuidou do governante quando este esteve internado com Covid-19, em Downing Street. O português foi um dos profissionais de saúde que Boris Johnson recebeu no âmbito da celebração dos 72 anos do Serviço Nacional de Saúde do Reino Unido.

O momento foi partilhado pelo governante nas redes sociais.

Boris esteve internado no St Thomas’ Hospital depois de ter contraído o novo coronavírus em abril, chegando a estar nos cuidados intensivos.

Quando teve alta hospitalar, o primeiro-ministro fez um agradecimento público à equipa médica que o salvou, nomeadamente a Luís Pitarma, o enfermeiro natural do Porto, que permaneceu durante 48 horas ao lado de Boris.

Explicou depois mais detalhadamente a intervenção fundamental de Luís e Jenny. "A razão pela qual o meu corpo começou a ter oxigénio suficiente foi porque a cada segundo da noite eles estavam a vigiar. E estavam a pensar e a cuidar e a fazer as intervenções de que eu precisava. É assim que eu sei que em todo o país, 24 horas por dia, a cada segundo de cada hora, há centenas de milhares de funcionários da NHS que estão a agir com o mesmo cuidado e precisão que a Jenny e o Luís", afirmou.

Na altura, Luís Pitarma disse ter ficado “comovido” quando o primeiro-ministro britânico agradeceu os cuidados prestados durante a hospitalização e descreveu como “surreal” o telefonema imediato do Presidente português.

“Não tenho palavras para descrever como me senti quando vi [o vídeo]. Deixou-me bastante comovido. Fiquei realmente surpreendido, mas muito feliz. Eu nunca pensei que teria um destaque assim. A mensagem do primeiro-ministro realmente veio do coração. Foi a mensagem mais honesta que eu já vi”, afirmou, num depoimento publicado pelo hospital St. Thomas.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.