Tempo
|
Da Capa à Contracapa
Os grandes temas da actualidade em debate aos sábados, às 9h30. Uma parceria da Renascença com a Fundação Francisco Manuel dos Santos.
A+ / A-
Arquivo
Lisboa, uma cidade suspensa - Da Capa à Contracapa
Lisboa, uma cidade suspensa - Da Capa à Contracapa

Da Capa à Contracapa

Lisboa, uma cidade suspensa

04 jul, 2020 • José Pedro Frazão


Daqui a alguns anos, muitos perguntarão que cidade era esta e poucos poderão responder, porque poucos foram aqueles que a viram em estado de emergência, nítida e despojada.

Decretado o estado de emergência, a cidade de Lisboa transformou-se de um dia para o outro. Ruas vazias, estradas sem carros, comércio fechado, quase ninguém no exterior.

A cidade cheia de vida e de ruído, de trabalhadores e de turistas, deu lugar a uma cidade-fantasma, uma cidade suspensa por tempo indeterminado devido ao coronavírus.

Miguel Valle de Figueiredo fotografou e Bruno Vieira Amaral legendou esse momento único. "Cidade Suspensa" é o novo Retrato da Fundação Francisco Manuel dos Santos. A sua primeira tiragem será oferecida aos livreiros para apoiar a cultura.

Os autores, o escritor Bruno Vieira Amaral e o fotógrafo Miguel Valle de Figueiredo, são os convidados do Da Capa à Contracapa desta semana. Um programa moderado pelo jornalista José Pedro Frazão.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.