|

 Casos Ativos

 Suspeitos Atuais

 Recuperados

 Mortes

A+ / A-

Limitar viagens entre países europeus não combate a transmissão da Covid-19

03 jul, 2020 - 11:47 • Liliana Monteiro

Centro Europeu de Prevenção e Controlo de Doenças dá "luz verd"e às viagens entre entre países.

A+ / A-

Veja também:


O ECDC - Centro Europeu de Prevenção e Controlo de Doenças- apoia a abertura de fronteiras e o retomar das viagens entre países. Um estudo realizado revela que apenas 3% dos casos de Covid-19 confirmados têm ligação a um país diferente daquele onde foi reportado.

No relatório divulgado esta quinta-feira, disponibilizado pelo jornal "Público", sobre o risco de transmissão com o ressurgimento de muitos novos casos de infeção por Covid-19 em toda a Europa, o organismo sustenta que o essencial é "identificar surtos e outros focos de transmissão, como a transmissão comunitária, devido ao levantamento das medidas de confinamento”.

O ECDC sublinha que isso, sim, “é essencial para controlar a incidência de novos casos" .

As restrições às viagens entre países, por outro lado, não são “um meio eficaz de redução da transmissão dentro da União Europeia, uma vez que a transmissão comunitária está em curso”.

O estudo elaborou ainda uma tabela com os países que a 30 de junho tinham uma taxa de incidência nos últimos 14 dias superior a 10 casos por 100 mil habitantes, um "ranking" em que Portugal surge em segundo lugar, com uma taxa de incidência de 47,4.

Em primeiro lugar surge a Suécia com 149,4. Em terceiro estão Luxemburgo e Reino Unido.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

  • Ivo Pestana
    03 jul, 2020 Funchal 18:10
    Acho que ajuda a combater. É um confinamento europeu. Atendível. Quem pensa ao contrário, está a pensar na economia.