Tempo
|
A+ / A-

Pandemia de ​Covid-19

​“Por ti e pelos outros”. Câmara de Lisboa lança campanha para sensibilizar jovens

25 jun, 2020 - 17:16 • Lusa

Campanha pretende alertar os mais jovens para os comportamentos de risco face à covid-19.

A+ / A-

Veja também:


“Por ti e pelos outros” é o mote de uma campanha que pretende alertar os mais jovens para os comportamentos de risco face à covid-19 e que a Gebalis, responsável pela gestão da habitação municipal de Lisboa, vai lançar.

A dar a cara por essa campanha estão figuras públicas e ‘figuras líderes’ nos bairros.

Segundo uma nota do gabinete da vereadora da Câmara de Lisboa com o pelouro da Habitação, Paula Marques (Cidadãos por Lisboa, eleita nas listas do PS), o objetivo da campanha é “mobilizar os mais jovens para a adoção de comportamentos de segurança e para o seu papel enquanto agentes ativos no combate à propagação da covid-19”.

Assim, algumas figuras pública e ‘figuras líderes’ dos bairros municipais aceitaram o desafio lançado pela Gebalis para a realização da campanha digital “Por ti e pelos outros” e fizeram um vídeo sobre a atual situação de pandemia.

Participam no vídeo, que será divulgado nas redes sociais e ‘sites’ e disponibilizado às Juntas de Freguesia, Ivo Canelas (ator), Dino D’Santiago (músico), Estraca (músico, Alta de Lisboa), RAF (street art, Alta de Lisboa), LS (street art,-Bairro Alfinetes), Denise (mediadora comunitária) , Mauro (Associação de Moradores PER 11, Alta Lisboa), Fifó (jogadora de futsal do SLB, Bairro Padre Cruz), Anabela (Associação de Moradores do Bairro da Boavista), Bina Achoca (mediadora comunitária) e Rochinha (morador).

“Apesar de parecer que estamos a voltar a uma normalidade, a uma falsa normalidade, ainda continua a morrer muita gente, ainda continuam a existir muitos infetados com covid-19”, diz o músico Estraca no vídeo.

Pela Associação de Moradores PER 11, Mauro avisa que “as coisas para melhorarem" é preciso "mais atenção”, enquanto Rocinha pede para todos lavarem as mãos e a jogadora de futsal Fifó para continuarem a usar máscara.

O aviso deixado pela mediadora comunitária é para que se evitem aglomerações, “como festas e estar com muitos amigos”.

“A Gebalis direcionou a sua atuação para uma ação de sensibilização, influenciando a população a não descurar os cuidados primários de saúde no geral e apelando ao cumprimento das regras de segurança e distanciamento nos momentos de convívio e interação, em particular”, lê-se na nota do gabinete da vereadora Paula Marques.

A campanha irá também incluir a distribuição pela população de informação impressa, em colaboração com as Juntas de Freguesias, “abordando os diferentes cuidados a ter nesta fase sanitária, em termos de distanciamento social, uso de máscaras, comportamentos em transportes públicos e reuniões de pessoas”, é ainda referido na nota.

A pandemia de covid-19 já provocou quase 482 mil mortos e infetou mais de 9,45 milhões de pessoas em 196 países e territórios, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

Em Portugal, morreram 1.549 pessoas das 40.415 confirmadas como infetadas, de acordo com o boletim mais recente da Direção-Geral da Saúde.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+