Tempo
|
A+ / A-

IVA da eletricidade. Deco admite poupança de 40 euros/ano

12 jun, 2020 - 21:50 • Redação

Portugal recebeu "luz verde" de Bruxelas para mudar IVA da eletricidade e adequar em função do consumo.

A+ / A-

A Deco reage com satisfação à luz verde de Bruxelas para que Portugal possa adequar a taxa de IVA da eletricidade aos níveis de consumo.

Rita Rodrigues, da Associação de Defesa do Consumidor, considera que foi dado um passo, num caminho que a associação irá acompanhar.

Num cálculo rápido estima que, em média, um agregado familiar pode vir a poupar algumas dezenas de euros/ano.

“Se fizermos um cálculo médio por ano, tendo em conta um perfil médio, estaríamos a falar, entre eletricidade e gás, [de uma poupança] à volta de 100 euros. 40 euros, mais ou menos, seria para a eletricidade. Já é uma poupança significativa”, disse.

A especialista da Deco acrescenta que “o mais importante é que haja o reconhecimento de um serviço público essencial com a taxa de IVA reduzida e isso parece-nos da mais elementar justiça”.

Portugal recebeu "luz verde" de Bruxelas para mudar IVA da eletricidade e adequar em função do consumo.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+