Tempo
|
A+ / A-

Pinto da Costa. “É sinal que ainda sou útil ao FC Porto”

07 jun, 2020 - 22:32 • Redação

Presidente há 38 anos, Pinto da Costa vai continuar mais quatro anos. Foi reeleito com 68.65% dos votos.

A+ / A-

Ainda antes de saber os resultados oficiais, Jorge Nuno Pinto da Costa fez o discurso de vitória, perante os jornalistas. Foi reeleito para o 15.º mandato na presidência do FC Porto.

Pinto da Costa mostrou-se “muito contente como decorreu o ato eleitoral” e elogiou a “resposta extraordinária da massa associativa”. Foi um “exemplo de vitalidade, ordem, respeito e interesse pela vida do FC Porto”.

O líder portista não sabia ainda os resultados das eleições, mas resume a noite com a frase: “Ainda sou útil ao FC Porto” e “agradeço aos que confiaram em mim”.

"Tenho que agradecer a todos os sócios, aos 8.480 que vieram, sinal de que sentem e vivem o FC Porto, de maneira especial aos que confiaram em mim, que num momento que não é fácil para ninguém, repito, não só para o FC Porto e clubes, vieram dar um voto de confiança, um sinal de estimulo que é muito importante para as batalhas que se seguem. Feliz por eles, confiam em mim, queriam que continuasse. Como sempre porei os interesses do FC Porto acima de tudo, farei tudo pelo FC Porto", refere.

À porta do pavilhão Dragão Arena, Pinto da Costa, que está no cargo há 38 anos, promete o “mesmo entusiasmo do primeiro dia” até por que “se não sentisse entusiasmo não me teria recandidatado”.

Entre as prioridades, o presidente dos dragões deixa três: “manter a competitividade, fazer crescer massa associativa e a construção da cidade do FC Porto”.

"Renovei a equipa diretiva a pensar no futuro. Nomeei o Fernando Gomes para o futebol de formação, já hoje falámos sobre alterações que são necessárias para termos resultados ainda melhores", acrescentou.

A nova direção toma posse na próxima terça-feira. Será o 15.º mandato de Pinto da Costa que, nestas declarações, não falou nos nomes das outras listas concorrentes.

Presidente desde 1982, Pinto da Costa teve, pela primeira vez, dois concorrentes. Segundo os resultados oficiais, conhecidos após o discurso do presidente, a lista A de Pinto da Costa conseguiu 68.65% dos votos.

José Fernando Rio ficou em segundo com 26.4% e Nuno Lobo em terceiro com 4.9%.

As eleições, que decorreram este fim de semana, tiveram uma grande afluência, a maior do século, a segunda maior da história do clube: votaram 8.480 sócios.

Resultados oficiais:

Direção:

Lista A: 68,65% (5.377 votos)
Lista B: 4,9% (384 votos)
Lista C: 26,44% (2.071 votos)
Votos brancos (488) e nulos (156)

Conselho Superior

Lista A: 64,96% (5.247 votos)
Lista B: 3,88% (313 votos)
Lista C: 15,04% (1.215 votos)
Lista D: 16,12% (1.302 votos)
Votos brancos (321) e nulos (77)

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+