|

 Casos Ativos

 Suspeitos Atuais

 Recuperados

 Mortes

A+ / A-

Braga

Custódio não se desculpa na expulsão para justificar derrota

05 jun, 2020 - 21:45 • Redação

Treinador do Sporting de Braga diz que "quem joga no Braga tem de ter vontade para ganhar sempre independentemente das incidências do jogo".

A+ / A-

Custódio lamenta a derrota contra o Santa Clara, na Cidade do Futebol. No entanto, em conferência de imprensa, o novo treinador do Braga não se esconde na expulsão de Raúl Silva para justificar a derrota.

"Sabíamos que Santa Clara é boa equipa, estivemos duas vezes em vantagem mas cometemos um ou outro erro que nos penalizou, sabemos o que temos de fazer, temos de melhorar a nossa agressividade. Acreditei que poderíamos vencer. Fiz tudo para ganhar o jogo, metemos gente na frente para isso. Quem joga no Braga tem de ter vontade para ganhar sempre independentemente das incidências do jogo", afirmou.

FC Porto, Benfica, Braga e Sporting não conseguiram vencer no regresso do campeonato, mas Custódio acredita que se trata de uma coincidência.

"Fundamental para o terceiro lugar é ganhar jogos, acho que é pura coincidência que os primeiros classificados tenham perdido pontos, mas só olho para a minha equipa. Sabiam da mentalidade que tinham de trazer e resultado acaba por penalizar-nos", afirma.

Para as próximas partidas, o técnico encontra vários aspetos a melhorar: "Temos de melhorar bastante a nossa circulação de bola, o jogo posicional, atitude competitiva, paragem deixou-nos incerteza, sei do trabalho que eles vão desenvolvendo, acredito que vamos estar mais fortes brevemente".

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.