|

 Casos Ativos

 Suspeitos Atuais

 Recuperados

 Mortes

A+ / A-

Weigl: "Todos cometemos erros, mas há um limite que foi ultrapassado"

05 jun, 2020 - 11:13 • Redação

O autocarro do Benfica foi apedrejado e o médio alemão sofreu ferimentos ligeiros. Em mensagem enviada aos adeptos, nas redes sociais, Weigl garante estar tudo bem.

A+ / A-
Veja como ficou o autocarro do Benfica depois de ser apedrejado
Veja como ficou o autocarro do Benfica depois de ser apedrejado

Julian Weigl entende que possa haver insatisfação pelos resultados do Benfica, assume erros, mas condena exageros como aquele de que foi vítima, na noite de quinta-feira. O autocarro do Benfica foi apedrejado, perto de centro de estágios do Seixal, e o médio alemão foi atingido por estilhaços.

"Quero dizer a todos que estou bem. Tivemos muita sorte! Todos cometemos erros, mas há um limite que foi ultrapassado. Atirar pedras para um autocarro, sem querer saber se alguém fica ferido?", questiona Weigl, nas redes sociais.

O jogador alemão e Zivkovic sofreram ferimentos ligeiros e foram levados ao hospital. Os agressores ainda não foram identificados, mas Weigl sublinha a certeza de que os autores do ataque "não são verdadeiros adeptos do Benfica".

"Estas últimas semanas, em especial, mostraram-nos que estarmos unidos é sempre uma solução melhor do que, literalmente, atirar pedras uns aos outros", escreve o jogador.

O Benfica e a Liga já condenaram o ataque, e o Dortmund, antigo clube de Weigl, também já enviou mensagem de solidariedade ao jogador.

O autocarro do Benfica foi apedrejado na A2, perto de centro de estágios do Seixal, após o jogo com o Tondela, que terminou empatado a zero.

Entretanto, durante a noite as casas de alguns jogadores do Benfica foram vandalizadas, com mensagens insultuosas e ameaçadoras.

Tópicos
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

  • Nem mais
    06 jun, 2020 Frustração 14:22
    Sim, 10 ocasiões de golo desperdiçadas, a chance perdida de saltar para a frente do campeonato quando faltam 9 jornadas, a hipótese de não voltarmos a ter esta hipótese, a hipótese de terem entregue o título ao fêquêpê, terem voltado com o mesmo futebol de m*rda com que pararam, tudo isso são limites que ultrapassaram a paciência dos sócios pagantes do Benfica.