|

 Casos Ativos

 Internados

 Recuperados

 Mortes

A+ / A-

​Escuteiros adaptam-se à pandemia e organizam “acantonamento nacional"

19 mai, 2020 - 20:48

O evento online, com início marcado para sexta-feira, deverá envolver milhares de escuteiros de todo o pais.

A+ / A-

Veja também:


O Corpo Nacional de Escutas (CNE) organiza o seu primeiro "acantonamento nacional" para comemorar os 97 anos da associação.

O evento, com início marcado para sexta-feira, deverá envolver milhares de escuteiros de todo o pais.

Erico Virgy, responsável pelo ACANTONAC 2020, explica que a ideia é trazer para dentro de casa um pouco do ambiente dos acampamentos nacionais, com milhares de escuteiros.

“Temos normalmente os acampamentos; os acampamentos nacionais que envolvem milhares de jovens” e que “neste formato quisemos trazer um pouco para casa o acampamento; a que chamamos o primeiro acantonamento nacional”, sublinha.

“Acho que é das iniciativas com mais partilhas e mais gostos nas redes sociais, e acreditamos que neste formato de livestream, no Facebook e no YouTube, teremos mesmo muita gente a participar”, adianta Erico Virgy.

Lucro de venda de insígnia para a Cáritas

O ACANTONAC envolve uma ação solidária. A insígnia alusiva ao acantonamento estará à venda. Toda a receita reverte para a Cáritas portuguesa.

Erico Virgy explica que “vamos ter uma insígnia desta atividade que todos os elementos poderão pedir e o lucro desta mesma insígnia irá reverter para a Cáritas”.

“Será um apoio para os jovens que não tem acesso à internet ou tiveram algumas dificuldades nesta fase, ou seja, todo o lucro que insígnia tiver será para a Cáritas”, conclui o responsável pelo ACANTONAC 2020.

Simultaneamente, o Corpo Nacional de Escutas está a promover até ao dia 28 de maio uma campanha de recolha de alimentos para o Banco Alimentar contra a Fome. A campanha consistirá na recolha de alimentos pelos vários agrupamentos, junto das famílias, amigos e demais comunidade.

Tópicos
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.