Tempo
|
A+ / A-

Coronavírus

Veja quantos casos de Covid-19 há por concelho. Há três novas localidades na lista

04 abr, 2020 - 14:09 • Sofia Freitas Moreira

Dados da Direção-Geral da Saúde revelam apenas 78% dos casos notificados, por falta de "informação fidedigna". Cabeceiras de Basto, Bombarral e Ansião são os três concelhos que, este sábado, se juntam à lista da DGS.

A+ / A-

Veja também:


Dados divulgados este sábado, no boletim epidemiológico diário da Direção-Geral da Saúde (DGS), revelam que há 148 concelhos portugueses com, pelo menos, três casos confirmados de Covid-19.

Lisboa continua a ocupar o topo da tabela com 654 infetados, seguida do Porto com 643, Vila Nova de Gaia com 468 e Gondomar com 447. A ordem é igual à que foi divulgada no dia anterior.

O Porto é o concelho que soma o maior número de novos casos (37), nas últimas 24 horas, de acordo com os dados parciais da DGS. Segue-se Braga, com 28 novos casos confirmados.

À lista da DGS juntam-se três novos municípios, com três casos confirmados cada um: Cabeceiras de Basto, Bombarral e Ansião.

A partir da última terça-feira, e mesmo sabendo que a contabilização não será relativa ao total dos casos – nem acompanhará em simultâneo os dados reportados pelas autarquias - a DGS passou a disponibilizar apenas dados do SINAVE, sistema nacional de vigilância epidemiológica.

O balanço da Direção-Geral da Saúde deste sábado revela que Portugal regista agora 266 vítimas mortais e 10.524 infetados.

O relatório da situação epidemiológica, com dados atualizados até às 24h00 de sexta-feira, indica que a região Norte é a que regista o maior número de mortes (141), seguida da região Centro (66), da região de Lisboa e Vale do Tejo (54) e do Algarve (5). Quanto à região do Alentejo, o relatório da DGS de sexta-feira apresentava um óbito, mas o de hoje tem zero registos.

O boletim avança ainda que 5.518 pessoas aguardam o resultados das análises e mais 22 mil estão sob vigilância.

Até ao momento, 75 pessoas recuperaram da doença.

Segundo o balanço deste sábado, estão internadas mais de mil pessoas, das quais 251 estão internadas nos cuidados intensivos.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.