|

 Confirmados

 Suspeitos

 Recuperados

 Mortes

A+ / A-

Veja o número de casos de Covid-19 em Portugal por concelho. Há 26 novas localidades na lista da DGS

26 mar, 2020 - 12:56 • Joana Gonçalves

Dados da Direção-Geral da Saúde mostram apenas 70% dos casos notificados, por falta de "informação fidedigna". As ilhas Terceira, S. Miguel, S. Jorge e Pico juntam-se à lista. Veja o total de casos do novo coronavírus por concelho.

A+ / A-

Dados parciais divulgados esta quinta-feira pela Direção-Geral da Saúde (DGS) revelam 96 concelhos portugueses com, pelo menos, um caso confirmado de Covid-19, entre eles Lisboa com 284, Porto com 259, Maia com 157, Valongo com 119 e Vila Nova de Gaia com 114.

Ílhavo (10), Loulé (8), Trofa (8), Leiria (7), Angra do Heroísmo (6), Ponta Delgada (5), Horta e Lajes do Pico, ambas com três casos, juntam-se à lista divulgada esta quarta-feira, que soma mais 1019 casos face ao dia anterior.

Porto, Lisboa e Vila Nova de Gaia são os concelhos com maior aumento no número de infetados nas últimas 24 horas: mais 122, 97 e 80, respetivamente.

Apenas 70% do total de casos notificados são considerados na lista de concelhos apresentada no boletim epidemiológico da DGS.

Rita Sá Machado, chefe de Divisão de Epidemiologia e Estatística da Direção-Geral da Saúde, revelou esta manhã em entrevista à Renascença, algumas dificuldades de recolha de informação relativamente à evolução dos casos do novo coronavírus em Portugal.

“O boletim é da autoria da minha equipa. É um trabalho muito complexo porque temos os nossos sistemas implementados, que funcionam relativamente bem dentro da rotina normal, mas temos esta situação de epidemia e urgência. Estamos a aprender e a readaptar o melhor que conseguimos e podemos. É também um trabalho das pessoas do terreno que recolhem esta informação ao longo dos dias. Vamos ajustando também parâmetros, como corrigir a data de início dos sintomas”, garantiu.

Veja a lista completa de casos de Covid-19 em Portugal por concelho.

O mesmo documento integra, ainda, o concelho de Ovar, onde foi decretado estado de calamidade pública, com 119 casos.

Matosinhos (81 casos), Cascais e Vila Nova de Famalicão, ambos com 44 casos, seguem-se na listagem. Em Felgueiras, onde surgiram os primeiros casos notificados, há 24 registos de infeção verificados pela DGS e em Lousada, concelho vizinho, há 33, mais cinco face ao dia anterior.

Portugal tem 308 concelhos e nesta lista há 212 ainda sem casos confirmados de infeção por Covid-19.

A nível nacional confirmam-se, ao dia de hoje, 3.544 casos de pessoas infetadas com o novo coronavírus, mais 549 do que na quarta-feira. Este número indica que há um aumento de 18% de casos confirmados no país, nas últimas 24 horas.

Foram registadas 60 vítimas mortais, mais 17 do que no dia anterior. Há ainda registo de 43 pessoas recuperadas, quase o dobro de ontem.

A DGS informa ainda que mantém em vigilância 14.994 casos.

Instada na terça-feira pela Renascença a esclarecer porque divulgou dados com discrepâncias sem qualquer nota de esclarecimento, a Direção-Geral da Saúde justifica a decisão por ausência de "informação fidedigna por concelho".

"A DGS está a trabalhar em conjunto com as Administrações Regionais de Saúde no sentido de melhorar o sistema e a informação divulgada", disse fonte da instituição à Renascença.

Portugal entrou esta quinta-feira "em fase de mitigação". Portugal estava até agora em fase de mitigação, por transmissão local.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

  • jose carlos pais
    26 mar, 2020 verdelhos 23:19
    esta lista está errada no fundão há um caso confirmada, esta internado no CHUCB onde alias é o segundo caso em internamento o outro é uma camionista que estava de passagem