|

 Confirmados

 Suspeitos

 Recuperados

 Mortes

A+ / A-

Coronavírus. ​Taxa de mortalidade dá sinais de abrandamento em Itália

26 mar, 2020 - 18:27 • Dina Soares

O número de vítimas mortais da Covid-19 em Itália continua a ser impressionante, mas nas últimas 24 horas o aumento de óbitos abrandou. Uma tendência que já se tinha verificado de terça para quarta-feira. O número de pessoas infetadas está agora a crescer na ordem dos 8%. Há mais de 800 mil pessoas com o coronavírus em Itália.

A+ / A-

Veja também:


Em Itália, o número de pessoas infetadas com o coronavírus continua a aumentar. Nas últimas 24 horas, 6.153 pessoas contraíram Covid-19, passando de 74.386 para 80.539. Um crescimento de 8,2%.

Relativamente aos óbitos, o aumentou foi de 0,8% também nas últimas 24 horas. Ontem, quarta-feira, tinham morrido 8.103 pessoas. Hoje, quinta-feira, o número elevou-se para 8.165, ou seja, mais 662 mortes. Existem ainda 62.013 casos ativos no país, dos quais 3.612 estão em estado crítico. Apenas 10.361 pessoas recuperaram.

A região da Lombardia, no Norte do país, continua a ser a mais afetada, com perto de 5 mil mortos até ao momento e quase 350 mil pessoas infetadas. Seguem-se as regiões de Emilia-Romagna e Veneto. Basilicata, no Sul, é a região menos fustigada.

Entretanto, vai chegando a Itália a ajuda proveniente de vários países. A Rússia e a China enviaram equipas de médicos e virologistas, assim como material médico. A Alemanha está a aceitar doentes italianos para ajudar a descongestionar os serviços de saúde. Cuba também enviou 52 médicos.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.