Tempo
|
A+ / A-

Coronavírus. Linha SNS 24 vai ser reforçada na sexta-feira

11 mar, 2020 - 10:00 • Manuela Pires

Ministra da Saúde anuncia que está a ser preparado um regime de exceção para permitir que os serviços do SNS possam contratar mais profissionais.

A+ / A-

A ministra da Saúde informou nesta quarta-feira que a Linha SNS 24 vai ser reforçada na sexta-feira com mais 81 enfermeiros. O anúncio foi feito no Parlamento, esta manhã.

Questionada pelos deputados na Comissão de Saúde, onde está a ser ouvida numa audição regimental, sobre o que está a ser feito para reforçar a linha SNS 24 (808242424), Marta Temido afirmou que estão a ser delineadas “vários tipos de medidas”.

A ministra adiantou que o contrato que os Serviços Partilhados do Ministério da Saúde (SPMS) têm com a operadora Altice está neste momento largamente ultrapassado. “O contrato tem um volume de chamadas que fazia parte da previsibilidade de resposta de uma linha deste tipo e aquilo que tem sido a procura associada ao Covid-19 fez de facto aumentar significativamente a necessidade de resposta”, sublinhou.

Marta Temido vai também reunir-se com várias ordens para pedir o apoio destes profissionais. Por exemplo, a ajuda de psicólogos, “porque há um conjunto de informações que se prendem com apoio psicológico”.

Por outro lado, o Governo está também a apelar a quem precisa da Linha de Saúde 24, apenas para informações que não são de saúde, que as coloque por e-mail. Não é uma abstenção de utilização e o encaminhamento para o e-mail, ressalvou.

O Ministério da Saúde está ainda a ponderar ativar um 'call center' noutro ponto do país.

Perante a falta de profissionais, a ministra anunciou que está a ser preparada uma proposta de um regime de exceção para permitir que os serviços do Serviço Nacional de Saúde possam contratar diretamente mais profissionais.

Portugal regista 41 casos confirmados de infeção, de acordo com a Direção-Geral da Saúde (DGS). França, Espanha e Alemanha têm mais de mil infetados cada.



A Itália tornou-se o caso mais grave de epidemia fora da China, com 631 mortos e mais de 10.100 contaminados pelo novo coronavírus, que pode causar infeções respiratórias como pneumonia.

A epidemia de Covid-19, detetada em dezembro na China, já provocou mais de 4.300 mortos. Cerca de 119 mil pessoas foram infetadas em mais de uma centena de países, e mais de 66 mil recuperaram.

Coronavírus. Como lavar as mãos para evitar contágios, em 10 passos
Coronavírus. Como lavar as mãos para evitar contágios, em 10 passos
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+