|

 Casos Ativos

 Internados

 Recuperados

 Mortes

O mapa-múndi do coronavírus

28 fev, 2020 - 09:01 • Joana Bourgard , Joana Gonçalves

A epidemia de Covid-19 foi detetada em dezembro, na China. Há uma centena de países e territórios afetados.

A+ / A-

A China soma 95% dos casos de infeção pelo novo coronavírus a nível mundial.

O Covid-19, detetado em dezembro na China e que pode causar infeções respiratórias como pneumonia, provocou pelo menos 3.831 mortos e infetou mais de 110 mil pessoas, de acordo com dados reportados por meia centena de países e territórios.

Das pessoas infetadas, mais de 62.302 recuperaram.

Além de mortos na China, há registo de vítimas mortais no Irão, Coreia do Sul, Itália, Japão, Filipinas, Espanha França, Hong Kong e Taiwan.

De acordo com o boletim diário, divulgado depois das 20h00 de quinta-feira, Portugal já registou 52 casos suspeitos, dos quais 36 resultaram negativo após testes laboratoriais. Esta semana, o número diário de novos casos suspeitos aumentou pelo facto de passar a ser divulgado o boletim epidemiológico do Covid-19.

Dos novos casos, 26 foram registados nas últimas 24 horas. Todos os cidadãos são provenientes do norte de Itália.

Coronavírus. OMS diz que ainda "é cedo" para falar em pandemia
Coronavírus. OMS diz que ainda "é cedo" para falar em pandemia

Um segundo cidadão português está hospitalizado no Japão “por indícios relacionados” com o Covid-19, também tripulante do navio de cruzeiros Diamond Princess.

Os Açores registaram o primeiro caso suspeito de infeção pelo novo coronavírus (Covid-19), um homem de 31 anos que esteve em Milão (Itália).

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.