Tempo
|
Fernando Medina-João Taborda da Gama
O presidente da Câmara de Lisboa e um professor universitário (especialista em direito fiscal) a viver na capital olham para os principais temas da atualidade. Quintas-feiras, às 19h20.
A+ / A-
Arquivo
Fernando Medina e João Taborda da Gama - Veto ao Montijo - 27/02/2020
Fernando Medina e João Taborda da Gama - Veto ao Montijo - 27/02/2020

F. Medina

​Medina contra possível veto de autarquia a aeroporto do Montijo. Lei “não está bem”

27 fev, 2020 • Miguel Coelho , Cristina Nascimento


Socialista apela à alteração da lei e compromete PSD na escolha de nova localização do aeroporto, se o Montijo ficar pelo caminho.

O socialista Fernando Medina considera que não faz sentido uma autarquia ter poder de veto sobre projetos com impacto nacional, como a viabilização de um aeroporto.

“A lei como está, não está bem. Um município só por si não deve ter o poder para ter um direito de veto sobre uma infraestrutura com o impacto nacional que tem o aeroporto de Lisboa”, diz o comentador da Renascença.

“A lei não é proporcional e devia ser alterada”, reforça.

O autarca de Lisboa lembra que o facto de o PSD não ser favorável à alteração da lei, volta a colocar em discussão a localização do futuro aeroporto.

“O PSD ao não apoiar a mudança da lei, na prática o que está a dizer é ‘não teremos aeroporto no Montijo’. Ora, se não tiver aeroporto no Montijo, o PSD tem a obrigação de dizer ‘apoiarei e defenderei um aeroporto em Alcochete’”, argumenta.

Também o professor universitário João Taborda da Gama considera que a legislação “não faz qualquer sentido”.

Questionado sobre se o Executivo teria esquecido da existência desta lei, Taborda da Gama tem outra interpretação.

“O Governo andou a tentar negociar com os municípios comunistas e alguém que estava incumbido dessa negociação falhou”, justifica.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

  • ANTONIO FERREIRA
    28 fev, 2020 14:04
    Tem a certeza que é só uma Câmara. E mesmo assim não há leis que não são aprovados por causa só de 1 voto? Lembram-se o Limiano e já este ano não tiveram a ajuda do PSD da Madeira. Vão ver se o Presidente do Gov Regional da Madeira aprova o Aeroporto do Montijo. Prometam-lhe um bife...
  • Cidadao
    27 fev, 2020 Lisboa 16:15
    O homem de mão do PS a permitir-se tentar encostar o PSD à parede, só porque ele não foi na cantiga do PS, para alterar uma Lei que o próprio PS fêz aprovar, mas que agora já não lhe serve... O Carnaval continua... Vai mas é tratar da porcaria que fizeste com a mobilidade interna em Lisboa, ó Medina. E no resto, está calado e cala-te!