|

 Confirmados

 Suspeitos

 Recuperados

 Mortes

A+ / A-

Autoridade de Combate à Violência no Desporto abre processo ao caso Marega

17 fev, 2020 - 18:41 • Redação

Organismo "condena veementemente os incidentes registados" em Guimarães. Avançado do FC Porto foi alvo de alegados insultos racistas.

A+ / A-

Veja também:


A Autoridade para a Prevenção e o Combate à Violência no Desporto (APCVD) anunciou, esta segunda-feira, a instauração de um processo contra-ordenacional, no sentido de "determinar responsabilidades" no âmbito do caso Marega.

O avançado maliano, do FC Porto, deixou o terreno de jogo ao minuto 71 da visita ao Vitória de Guimarães, devido a insultos racistas. Em comunicado, a APCVD "condena veementemente os incidentes registados".

"Independentemente da esfera de intervenção das autoridades judiciárias e da justiça desportiva, será sempre feito um trabalho rigoroso para apurar as responsabilidades, individuais e coletivas, nomeadamente no que diz respeito ao clube promotor, a par de uma célere e eficaz resposta sancionatória, através dos mecanismos legais de que dispõe", assegura o organismo.

Tópicos
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.