|

 Confirmados

 Suspeitos

 Recuperados

 Mortes

A+ / A-

Senado limita poderes de Trump para atacar o Irão

13 fev, 2020 - 22:56 • Redação com Reuters

Apesar dos apelos do Presidente norte-americano, oito republicanos aliaram-se à oposição democrata e aprovaram a resolução de poderes de guerra.

A+ / A-

O Senado norte-americano aprovou, esta quinta-feira, legislação que limita a possibilidade de o Presidente Donald Trump declarar guerra ao Irão sem autorização do Congresso.

Oito republicanos aliaram-se à oposição democrata e aprovaram a resolução dos poderes de guerra, por 55 votos contra 45.

Horas antes, Donald Trump tinha afirmado que se a lei avançasse os Estados Unidos ficariam mais desprotegidos em relação ao Irão.

“É muito importante para a segurança do nosso país que o Senado dos Estados Unidos não aprove a Resolução dos Poderes de Guerra sobre o Irão. Estamos a lidar muito bem com o Irão e não é altura de mostrar fraqueza”, alertou Trump na rede social Twitter.

A resolução recebeu luz verde do Senado semanas depois de Trump ter dado ordem para matar o general iraniano Qasem Soleimani.

O diploma segue agora para a Casa Branca e deverá ser vetado pelo Presidente norte-americano.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.