RR
|
A+ / A-

D. Aves regulariza salários nesta sexta-feira

13 fev, 2020 - 19:50 • Lusa

Coronavírus dificultou transferências bancárias do acionista chinês.

A+ / A-

A SAD do Desportivo das Aves vai regularizar os salários do plantel profissional de futebol até sexta-feira, após os atrasos causados pelo surto de coronavírus, confirmou à Lusa fonte dos nortenhos.

De acordo com o jornal “O Jogo”, que cita fonte da administração avense, o investidor e dono da sociedade anónima, o chinês Wei Zhao, não conseguiu efetuar transferências bancárias internacionais.

O avanço da epidemia detetada em Wuhan reduziu ao mínimo os serviços naquela nação do continente asiático, tendo muitos estabelecimentos aproveitado o feriado do Ano Novo chinês, celebrado em 25 de janeiro, para prolongar as férias dos seus funcionários.

Os jogadores pediram esclarecimentos aos responsáveis do Desportivo das Aves e as verbas requeridas foram desbloqueadas hoje, no sentido de regularizar todos os atrasos na liquidação mensal e restabelecer a normalidade no clube de Santo Tirso.

Os avenses ocupam a 18.ª e última posição do campeonato, com 12 pontos, a quatro da 'linha de água', e preparam a visita ao terreno do Famalicão, agendada para domingo, às 20h00, na partida de encerramento da 21.ª jornada.

A epidemia provocada pelo coronavírus (Covid-19) detetado em Wuhan causou pelo menos 1.115 mortos, dos quais 1.113 na China continental, onde se contabilizam mais de 44 mil infetados.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.