Tempo
|
A+ / A-

Filipinas regista morte por coronavírus, a primeira vítima fora da China

02 fev, 2020 - 11:38 • Lusa

Na China, são já 304 as mortes causadas pelo novo vírus. Fora da China, há 24 países com casos confirmados de infeção. Médicos tailandeses dizem ter curado uma doença com retrovirais e antigripais.

A+ / A-

Um homem de nacionalidade chinesa morreu nas Filipinas vítima de uma pneumonia causada pelo coronavírus de Wuhan. É a primeira morte registada fora da China, anunciaram as autoridades neste domingo.

O paciente, que morreu no sábado, é um homem de 44 anos, internado no Hospital San Lazaro, em Manila, em 25 de janeiro, indicou o Departamento de Saúde das Filipinas em comunicado.

O número de mortes pelo novo coronavírus na China subiu neste domingo para 304 (45 a mais que no sábado), enquanto o número de pessoas infetadas com esta doença no território chinês é de 14.411.

Este surto de pneumonia provocado pelo novo coronavírus (2019-nCoV) foi detetado no final do ano em Wuhan.

Além do território continental da China e das regiões chinesas de Macau e Hong Kong, há mais casos de infeção confirmados em 24 outros países, com as novas notificações na Rússia, Suécia e Espanha.

Neste domingo, dois médicos tailandeses anunciaram ter curado uma mulher infetada com coronavírus através de uma mistura de medicamentos contra o VIH e um remédio antigripal.

A mulher tem 71 anos e curou-se ao fim de 48 horas de ter sido iniciado o tratamento, relataram em conferência de imprensa.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.