Tempo
|
A+ / A-

Coronavírus

OMS avisa que atuais vacinas contra pneumonia não protegem do novo coronavírus

31 jan, 2020 - 16:06 • Agência Lusa

“O vírus é tão novo e diferente que precisa da sua própria vacina.”

A+ / A-

A Organização Mundial da Saúde (OMS) avisou esta sexta-feira que as vacinas contra a pneumonia atualmente existentes não protegem contra o novo coronavírus, detetado pela primeira vez na China a 31 de dezembro e que entretanto já se alastrou a outros 23 países.

“O vírus é tão novo e diferente que precisa da sua própria vacina”, refere a OMS numa publicação informativa feita nas redes sociais, na qual acrescenta que a comunidade científica já está a tentar encontrar uma vacina específica.

Assim, a OMS esclarece que as vacinas contra a pneumonia existentes no mercado ou nos programas nacionais de vacinação não protegem contra o novo coronavírus, o qual provoca pneumonias virais.

“Os investigadores estão a tentar desenvolver uma vacina contra o 2019-nCov [o novo coronavírus] e a OMS está a ajudar nesses esforços”, refere uma publicação da OMS divulgada hoje à tarde.

A organização das Nações Unidas acrescenta que, apesar de estas vacinas não protegerem contra o novo vírus, a “vacinação contra doenças respiratórias é altamente recomendada” para proteção da saúde, mas não para o caso concreto do coronavírus detetado na China e que já infetou quase 10 mil pessoas.

Na quinta-feira, após reunir o seu comité de emergência, a OMS decidiu declarar o surto do novo coronavírus como uma emergência de saúde pública a nível global.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.