RR
|
A+ / A-

Reações à morte de Kobe Bryant. Estou para lá de devastado, irmão"

26 jan, 2020 - 21:24 • Redação

De Michael Jordan a Cristiano Ronaldo, passando por Trump e Barack Obama, a morte inesperada da estrela do basquetebol deixou o mundo em choque.

A+ / A-

De colegas do mundo do desporto ao Presidente dos Estados Unidos, são inúmeras as reações à inesperada morte do basquetebolista Kobe Bryant.

O craque português Cristiano Ronaldo disse estar "desolado" com a notícia de Kobe e da filha, Gianna Maria.

"Kobe era um verdadeira lenda e inspiração para tanta gente", assinalou o jogador da Juventus nas redes sociais.

Michael Jordan, para uns o melhor basquetebolista de todos os tempos, mostra-se “chocado” com a morte de Kobe Bryant e da sua filha Gianna. “Palavras não conseguem descrever o que estou a sentir. Eu amava o Kobe – era como um irmão mais novo. Costumávamos falar com frequência e vou sentir muito a falta daquelas conversas”, afirma “Air” Jordan, em comunicado.

Campeão da NBA por seis vezes, o antigo número 23 dos Chicago Bulls recorda Kobe como um “competidor destemido, um dos maiores do jogo e uma força criativa”.

O Presidente norte-americano publicou uma mensagem no Twitter a lamentar a morte da estrela da NBA. “Notícias terríveis”, escreveu Donald Trump.

O antigo inquilino da Casa Branca Barack Obama, um fanático por basquetebol, recorda a "lenda" da modalidade que começava a dar passos importantes fora do campo, depois de se ter retirado. Obama lamenta também a morte da filha de Kobe, Gianna, e endereça condolências e amor à família.

Shaquille O'Neal, que formou com Kobe uma dupla demolidora nos LA Lakers - juntos conquistaram três ligas da NBA - deixou uma sentida mensagem de homenagem ao antigo companheiro.

"Não há palavras para expressar a dor que estou a sentir por perder a minha amiga Gigi e o meu irmão @kobebryant. Eu amo-vos e vamos sentir a vossa falta", afirma Shaq.

"Kobe era muito mais do que um atleta, era um homem de família. Era isso que tínhamos mais em comum. Eu abraçava as filhas dele como se fossem minhas e ele fazia o mesmo aos meus filhos. A sua filha mais pequena Gigi nasceu no mesmo dia que a minha mais nova MeÁrah", concluiu.

O basquetebolista espanhol Pau Gasol, que foi colega de equipa de Kobe nos Lakers, diz estar "para lá de devastado" pela morte do seu amigo, que chama de "irmão mais velho". "Eu não posso, não posso acreditar", disse nas redes sociais.

Kareem Abdul-Jabbar, outro dos grandes nomes da história do jogo, disse que vai lembrar-se de Kobe Bryant como alguém "que era muito mais do que um atleta".

O francês Tony Parker também defrontou Kobe e fala numa verdadeira "lenda" do desporto.

"Não pode ser real", afirma Ticha Penicheiro, a melhor jogador da história do basquetebol português, que jogou durante muitos anos na liga norte-americana.

O guarda-redes do FC Porto, Iker Casillas, confessa que ficou em estado e choque ao receber a notícia de que Kobe tinha morrido num desastre de helicóptero, na Califórnia.

“Não me lixes!! Fiquei pálido!! Os meus pêsames à família e amigos, ao mundo do basquetebol e do desporto em geral. Descansa em paz, Kobe”, diz Casillas.

O futebolista internacional português Nani, que atualmente joga na equipa norte-americana dos Orlando City, manifestou profunda tristeza pela morte do antigo jogador dos LA Lakers, que conheceu recentemente.

“Kobe, há dez dias tive o prazer de me encontrar contigo e senti o grande ser humanos que eras. Quero agradecer-te pelas palavras gentis que me dirigiste. Estou muito triste por teres partido. Descansa em paz”, disse Nani na sua conta no Instagram, acompanhada de uma fotografia com o basquetebolista.

O velocista jamaicano Usain Bolt, recordista mundial dos 100 e 200 metros, diz que ainda não consegue acreditar na trágica notícia e publicou uma fotografia com Kobe numa pista de atletismo durante uns Jogos Olímpicos.

Também através das redes sociais, o Sporting Clube de Portugal recordou o legado de Kobe Bryant, cinco vezes campeão da NBA. “Uma lenda nunca morre. Até sempre, Kobe”, escreveram os leões.

A Federação Portuguesa de Futebol fala num "nome gravado a ouro na história do desporto".

O FC Barcelona, uma das equipas de futebol favoritas do jogador norte-americano, publicou uma fotografia de Kobe Bryant com o jogador Iniesta e palavras de "consternação" pelo desaparecimento de "um desportista exemplar cuja figura ultrapassou os campos de basquetebol.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.