RR
|
A+ / A-

A NBA parou para homenagear Bryant

27 jan, 2020 - 09:40 • Redação

Não houve tempo para o cancelamento dos jogos de ontem, mas os jogadores evocaram a memória de Kobe.

A+ / A-

Veja também:

As equipas da NBA que tiveram jogo, depois da notícia da morte de Kobe Bryant, estiveram em campo com o antigo basquetebolista na memória e homenagearam-no, violando as regras do jogo.

Depois do lançamento da bola ao ar, a equipa com bola esperou que se esgotassem os 24 segundos de ataque, numa alusão à camisola 24 com que Kobe terminou a carreira. Trae Young, dos Atlata Hawks, violou também a regra dos oito segundos em homenagem ao número com que o malogrado jogador também usou.

Kobe Bryant morreu, aos 41 anos, após a queda do helicóptero em que seguia em Calabasas, na Califórnia. Entre as vítimas mortais está também a filha do ex-basquetebolista, Gianna Maria, de 13 anos, avançam fontes oficiais da NBA, a liga norte-americana de basquetebol.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.