|
A+ / A-

Luanda Leaks

​EuroBic corta relações comerciais com Isabel dos Santos

20 jan, 2020 - 18:46 • Ricardo Vieira

O banco, de que Isabel dos Santos é acionista, anuncia a "realização imediata de uma auditoria" às transferências entre a Sonangol e a Matter Business Solutions.

A+ / A-

O EuroBic anunciou esta segunda-feira que decidiu encerrar a relação comercial com entidades controladas por Isabel dos Santos.

A instituição bancária decidiu "encerrar a relação comercial com entidades controladas pelo universo da acionista Eng.ª Isabel dos Santos e pessoas estreitamente relacionadas com a mesma".

A medida é tomada na sequência das revelações do Luanda Leaks, uma investigação do consórcio internacional de jornalistas segundo a qual Isabel dos Santos desviou 115 milhões da Sonangol para uma empresa no Dubai.

No comunicado divulgado esta segunda-feira ao final da tarde, o EuroBic acrescenta que, "no respeito pelos deveres de sigilo bancário a que o Banco está sujeito, apenas podemos esclarecer publicamente que os pagamentos ordenados pela cliente Sociedade Nacional de Combustíveis de Angola (Sonangol) à Matter Business Solutions respeitaram os procedimentos legais e regulamentares formalmente aplicáveis no âmbito da regular relação comercial existente entre este Banco e a Sonangol, designadamente os que se referem à prevenção do branqueamento de capitais".

O banco, de que Isabel dos Santos é acionista, adianta que vieram a público elementos que até à data desconhecia e anuncia a "realização imediata de uma auditoria" às transferências entre a Sonangol e a Matter.

A instituição vai também "remeter ao Banco de Portugal todo o processo em poder do EuroBic referente às operações envolvendo as quantias transferidas pela Sonangol para a Matter em novembro de 2017 bem como informá-lo das decisões tomadas".

O EuroBic demarca-se do escândalo Luanda Leaks e diz que o caso refere-se “à esfera de interesses e relações jurídicas da acionista Eng.ª Isabel dos Santos”.

Saiba Mais
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.