|

 Casos Ativos

 Internados

 Recuperados

 Mortes

A+ / A-

FC Porto

Sérgio Conceição: "Não adianta olhar para o dérbi se não ganharmos no Dragão"

16 jan, 2020 - 15:22 • Redação

O treinador do FC Porto rejeita a ideia de um Braga bipolar e assume que preferia jogar no sábado em vez de sexta-feira.

A+ / A-

Sérgio Conceição não vai estar com um olho em Alvalade e outro no Dragão, na sexta-feira. Apesar de o dérbi entre Sporting e Benfica ter potencial para reaproximar o FC Porto da liderança, o treinador portista salienta que isso de pouco vale se os dragões não derrotarem o Braga.

"Vamos olhar para o nosso jogo, não adianta nada olhar para o dérbi noutra cidade, porque o que interessa é o que vai acontecer no Dragão. Para nós, é o mais importante. Não vale nada olhar para outros jogos se não ganharmos o nosso", assinalou o treinador, esta quinta-feira, na conferência de imprensa de antevisão do jogo da jornada 17 da I Liga.

Neste sentido, Sérgio Conceição espera que o Dragão receba "um bom jogo de futebol" e que o FC Porto conquiste "três pontos importantes".

Braga não tem duas caras


O Sporting de Braga tem, em Rúben Amorim, novo treinador e, com isso, uma nova forma de jogar. Sérgio Conceição destacou a importância do equilíbrio, para contrariar o "poderio ofensivo" do adversário.

"Os jogadores do Braga são acima da média. Cabe-nos encontrar a forma de contrariar isso e ganhar o jogo. O nosso trabalho é preparar a equipa da melhor forma, para anular os pontos fortes e explorar as fragilidades que existem em todas as equipas do mundo", destacou.

O Braga tem mostrado irregularidade. Na Liga Europa, tem feito história, mas no campeonato, tem revelado dificuldades. Com Rúben Amorim, goleou o Belenenses SAD, fora de portas, e, na semana seguinte, viu-se aflito para derrotar, em casa, o Tondela. Sérgio desvaloriza esses dados:

"Não olhamos para o golo marcado e o golo sofrido, olhamos para o que deu origem a isso. Não acredito que houve um Braga fantástico contra o Belenenses e um mau Braga contra o Tondela. Os jogadores e a dinâmica estavam lá. Não aceito que digam que foi um Braga bipolar, porque acho que as equipas que teve pela frente é que foram diferentes e causaram problemas diferentes. Olhamos para a ação dos três centrais e do duplo-pivô, para a largura dos laterais e para a profundidade dos avançados."

Jogar ao sábado era bom


Na conferência de imprensa de antevisão do dérbi, Bruno Lage afirmou que preferia que os dois jogos grandes da jornada tivessem sido marcados para o fim de semana, de preferência para sábado.

Questionado sobre isso, Sérgio Conceição não se alongou muito, no entanto, mostrou estar de acordo com o treinador do Benfica: "Se me perguntassem se ficava mais satisfeito se me marcassem este jogo para sábado, obviamente que sim. Mas não há nada a fazer, vamos embora."

O FC Porto-Braga está marcado para sexta-feira, às 19h00. Terá relato em direto na Renascença e acompanhamento ao minuto em rr.sapo.pt.

Tópicos
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.