|
A+ / A-

Conceição admite que FC Porto "poderia ter feito mais" contra o Varzim

14 jan, 2020 - 19:58 • Redação

Apesar de admitir a exibição menos conseguida, técnico dos dragões fala em objetivo cumprido.

A+ / A-

Sérgio Conceição admite que o FC Porto poderia ter feito melhor em termos exibicionais contra o Varzim, no entanto destaca que o objetivo de passar às meias-finais da Taça de Portugal foi cumprido.

"Vivemos de resultados. Se tivessemos feito uma grande exibição e ficado pelo caminho, seriam mais as críticas. Tinhamos muitos jogadores novos, sem muito ritmo competitivo, mas assumo as minhas opções. Fizemos dois golos, eles fizeram um de livre, num lance depois de um erro individual. Poderíamos ter feito mais em termos exibicionais. O Varzim esteve sempre à espreita de algo mais. A nossa obrigação era passar, passámos", disse, à RTP.

O treinador dos dragões deixa elogio à exibição do Varzim, uma equipa que criou perigo no Dragão.

"Respeitamos muito o Varzim, porque hoje em dia já não há jogos fáceis, estão a fazer uma boa campanha na II Liga. O nosso favoritismo vale na teoria, era preciso demonstrar lá dentro. É difícil jogar contra uma equipa no bloco baixo, inteligente na forma como atacava a nossa baliza", disse.

Sérgio aproveitou o jogo para estrear Vítor Ferreira na equipa principal e voltar a dar minutos a Romário Baró, que voltou a jogar três meses depois: "Foi importante para dar minutos ao Vítor Ferreira, que é um jovem de qualidade e está connosco agora de forma mais permanente, e ao Baró, que já não jogava há muito tempo".

Saída de Saravia foi opção

Saravia saiu ao intervalo e entrou Alex Telles. Sérgio revela que foi opção tática e não um problema físico do argentino que tarda em afirmar-se no FC Porto.

"Achei que deveria mudar para dar mais estabilidade à linha defensiva. Foi opção estratégica. Conto com ele e vai fazer mais jogos, ao contrário do que podem pensar", disse.

Sérgio diz que também não pensa ainda no adversário da meia-final, que poderá ser o Canelas 2010 ou o Académico de Viseu: "Agora estou preocupado com o Braga. Vamos pensar nesse jogo e nas dificuldades que vamos ter. Penso que é o mais importante neste momento".

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.