Tempo
|
A+ / A-

Mensagem de Natal - Leiria-Fátima

Bispo de Leiria-Fátima diz que “ninguém pode ficar indiferente”

12 dez, 2019 - 16:06 • Ecclesia

Na sua mensagem de Natal o cardeal D. António Marto pede “ações concretas de solidariedade e partilha”.

A+ / A-

O bispo de Leiria-Fátima defende na sua mensagem para este Natal que “ninguém pode ficar indiferente” face ao sofrimento do próximo, sublinhando a necessidade de dar “testemunho com ações concretas de solidariedade e partilha”.

“Para tornar o mundo mais fraterno, para levar a todos verdadeira alegria do Natal é imperativo que demos testemunho com ações concretas de solidariedade e partilha. Ninguém pode ficar indiferente”, pode ler-se no texto enviado hoje à Agência Ecclesia.

D. António Marto escreveu uma mensagem intitulada “O Presépio, sinal da ternura, da fraternidade e da alegria do Natal”, inspirada na carta do Papa Francisco “Sinal Admirável”, divulgada a 1 de dezembro.

O cardeal observa que cada um se torna “portador da Boa-Nova para as pessoas que encontra”.

O nosso mundo e em especial as crianças e os jovens têm necessidade do testemunho vivo, corajoso e entusiasta desta alegria dos cristãos. Sejamos ousados no envolvimento dos jovens na construção do Presépio, na sua contemplação e na celebração do Natal juntos com eles”.

O bispo de Leiria-Fátima considera que se trata de “celebrar o grande encontro de Deus com a humanidade no rosto humano de Jesus. É um acontecimento sempre novo.”

“Eis-nos diante de um apelo a reconhecer e encontrar Jesus acolhendo-o e servindo-o com ternura, partilha e solidariedade nas pessoas mais frágeis e necessitadas. Que gesto concreto de solidariedade vou realizar neste Natal?”, questiona D. António Marto.

O cardeal português faz ainda referência na sua mensagem à ‘Campanha 10 milhões de Estrelas’, da Cáritas Portuguesa, pedindo que, através deste gesto de fraternidade seja possível acolher “a visita de Jesus com o enlevo, a alegria e a disponibilidade da Virgem Maria e de S. José que viveram e sentiram como ninguém a beleza e riqueza do nascimento de Jesus para o mundo inteiro”.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+