|
A+ / A-

Horácio Gonçalves orgulhoso pelo título em Moçambique

04 dez, 2019 - 18:15 • José Barata

O treinador português conquistou o campeonato ao serviço do Costa do Sol e não esconde satisfação pelo trabalho realizado.

A+ / A-

Horácio Gonçalves é campeão de Moçambique, ao serviço do Costa do Sol, e junta o título nacional à Taça conquistada em 2018 e à Supertaça que venceu este ano. Um ano e meio de grande sucesso no futebol moçambicano. Em entrevista a Bola Branca , o treinador português não esconde orgulho pelo trabalho realizado.

"Foi um projeto que tivemos aqui de ano e meio em que conseguimos vencer todas as provas. Iniciámos com a Taça de Moçambique, depois vencemos o Torneio de Maputo, que é algo importante aqui na cidade, vencemos a Supertaça e tudo culminou com a conquista do campeonato. É uma vitória muito importante para mim e é o culminar de um trabalho executado em ano e meio. Estou contente por mim, é mais um treinador da escola de treinadores portugueses a vencer e isso é importante para levarmos o nome do nosso país bem longe", afirma Horácio Gonçalves.

Horácio Gonçalves, de 56 anos, iniciou a carreira de treinador em 1993, no Varzim, clube pelo qual foi campeão da II Divisão B, em 1996. O treinador português ainda não definiu o futuro.

"Não sei se continuo. No nosso trabalho, isso é sempre uma incógnita, estamos sempre abertos a novas situações e eu sempre gostei de desafios. Há possibilidade de continuar, há possibilidade de sair e voltar a Portugal, vamos aguardar. Agora, é momento de esperar, até porque o campeonato só acaba no domingo. Depois, vou equacionar todas as opções que possam aparecer para o futuro", conclui.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.