|
A+ / A-

Coreia do Norte inaugura "vila socialista ideal"

03 dez, 2019 - 15:26 • Redação

Os habitantes locais foram "obrigados a contribuir para projetos de construção através do trabalhado e/ou do fornecimento de recursos".

A+ / A-

A Coreia do Norte inaugurou a reconstrução de uma cidade em Samjiyon, considerada por Kim Jong-un como a “vila socialista ideal".

O projeto, que foi denunciado pelo recurso de trabalho forçado, é uma das três etapas que o líder coreano tem para impulsionar todo o município até outubro de 2020.

"Vimos evidências de trabalho forçado em termos de civis locais trabalhando no projeto", disse o correspondente da “BBC” Colin Zwirko ao jornal britânico.

Acrescentando ainda que os habitantes locais são "obrigados a contribuir para projetos de construção através do trabalhado e/ou do fornecimento de recursos".

A cidade, que é considerada importante pela proximidade à montanha sagrada Monte Paektu e considerada o local de nascimento do pai de Kim Jong-un, mede cerca de 2 a 3 quilómetros e é capaz de acomodar cerca de 4 mil famílias e possui novos apartamentos, uma pista de esqui e um estádio.

Quanto aos edifícios que já existiam, alguns foram reformados, mas a maioria foi demolida e substituída por novos.

A cidade anteriormente também abrigava alguns moradores, embora não se saibam o número de habitantes e se foram deslocados.

O dinheiro gasto na construção da cidade também não é conhecido, segundo avança o correspondente da “BBC”.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.