|
A+ / A-

Messi: "Doeu quando Ronaldo me igualou em Bolas de Ouro"

03 dez, 2019 - 18:16 • Redação

O avançado do Barcelona assume, contudo, que o português mereceu vencer o galardão quando ganhava a Champions.

A+ / A-

Lionel Messi admite que gosta de ser o jogador com mais Bolas de Ouro e que, quando Cristiano Ronaldo empatou com ele, ficou algo magoado. Agora, o argentino está de novo sozinho: conquistou o sexto troféu.

"Por um lado, gostava de ter cinco e ser o único. Quando o Cristiano me igualou, admito que me doeu um pouco, já não estava sozinho no topo. Mas, nesse momento, o Cristiano venceu a Bola de Ouro com mérito e eu não podia fazer muito mais", confessou o avançado do Barcelona, em entrevista à revista "France Football", que atribui o galardão.

Messi entende que não ganhava uma Bola de Ouro desde 2015 porque o Barcelona não vencia a Liga dos Campeões, "a competição que dá maior oportunidade de ganhar" o mais importante troféu individual:

"Quando Cristiano Ronaldo ganhava, era porque fazia muito boas épocas e ganhava a Liga dos Campeões, sendo ainda para mais determinante."

Messi salienta que não sabe "quem é o melhor jogador da história", apesar de estar na corrida. Ainda assim, assume que gosta de ganhar a Bola de Ouro, conforme já se tinha percebido, pelas suas palavras.

"Os títulos individuais são os mais importantes, ainda que os individuais também tenham grande valor. No que à Bola de Ouro diz respeito, cada um vive à sua maneira. Mas, claro, ao mais alto nível, quer-se ganhar sempre", reconheceu o internacional argentino, de 32 anos.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.