|
Renascença Reportagem
O espaço de reportagem da Renascença. Segunda depois das 13h.
A+ / A-
Arquivo
Projeto europeu quebra fronteiras e junta jovens alunos de música
Projeto europeu quebra fronteiras e junta jovens alunos de música

ERASMUS+

Projeto europeu quebra fronteiras e junta jovens alunos de música

02 dez, 2019 • Manuela Pires , com sonorização de André Peralta


MusIntegrAction reúne escolas de música do Ensino Superior e do Ensino Secundário de quatro países da União Europeia. Para além da mobilidade dos alunos, leva também os professores a trocarem conhecimentos e experiências nas diferentes escolas.

Um grupo de alunos do Conservatório Nacional de Lisboa esteve, no ano passado, em Weimar na Alemanha, Trento, Itália e em Murcia, Espanha. Durante uma semana, viveram em casa dos colegas desses países, tiveram as mesmas aulas e ainda uma aula de instrumento. Para todos, sem excepção, foi uma semana inesquecível, de convívio e de muitas aprendizagens.

O Musintegraction integra quatro conservatórios e três escolas de música do ensino secundário de quatro países: Alemanha, Espanha, Itália e Portugal. A ideia partiu do conservatório de música de Murcia que coordena este projecto europeu co financiado pelo Erasmus+. O objetivo é contribuir para a transformação destas escolas que tem ensino integrado de música e garantir que continuam a ter um papel de divulgadoras do património cultural europeu.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.