|
A+ / A-

Polícia francesa empurra “Tsunami Democrático” até Espanha

12 nov, 2019 - 07:49 • Joana Bourgard

Mais de 2.000 pessoas bloqueiam a autoestrada AP-7, que liga os dois países, desde a manhã de segunda-feira.

A+ / A-

Desde as 8h00 (7h00 em Portugal) que a polícia francesa está a remover centenas de manifestantes que se encontram a bloquear a autoestrada AP-7, que liga Espanha a França.

Mais de 2.000 pessoas concentram-se na AP-7, desde segunda-feira, num protesto intitulado de “Tsunami Democrático”, que pretende chamar a atenção da comunidade internacional para a condenação dos líderes independentistas a penas entre os nove e os treze anos de prisão.

A polícia francesa está a empurrar a multidão em protesto até ao lado espanhol, com o uso de força e gás lacrimogéneo. A concentração na autoestrada dura há 24 horas.

De acordo com o jornal espanhol “El País”, na segunda-feira, os ministros do Interior espanhol e francês estavam em "comunicação constante", de onde saiu a decisão de a polícia francesa realizar a operação de libertar a estrada de manifestantes.

Foi decidido não fazer a operação durante a noite, por questões de segurança, e realizá-la na manhã desta terça-feira.

A autoestrada que liga França a Espanha do lado este do país permanece cortada nas duas direções, o que tem provocado graves congestionamentos no trânsito nas restantes vias circundantes.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.