|
A+ / A-

Faixas, bandeiras e tambores da Juve Leo proibidos em Alvalade

22 out, 2019 - 19:52 • Redação

Claque Juventude Leonina anunciou, em comunicado, a proibição por parte da direção do Sporting.

A+ / A-

A claque Juventude Leonina foi proibida, pela direção do Sporting, de entrar no Estádio de Alvalade e no Pavilhão João Rocha com todo o material de apoio à equipa, como tarjas, bandeiras e tambores.

"Está proibida a entrada, no nosso estádio e pavilhão, a faixa da Juventude Leonina, bandeiras, tambor, megafone e todo material usado pela claque que serve de apoio às nossas equipas, proibições essas que só vinham acontecendo nos estádios adversários, mas que agora acontecem na nossa própria casa", pode ler-se no comunicado cada claque de maior expressão do Sporting.

Para além dessa proibição, o Sporting também cancelou "as gamebox de sócios compradas através da Juventude Leonina".

A Juve Leo adianta que "tudo está a fazer, para com a maior brevidade possível, tentar resolver esta situação".

A claque deixa ainda a "promessa de continuar a apoiar sempre, porque a nossa voz ninguém cala e a nossa presença ninguém tira".

Em causa está a rescisão dos protocolos do Sporting com a claque, na sequência de uma tentativa de agressão a Frederico Varandas, no sábado, no final de uma partida de futsal.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.