|
Fernando Medina-João Taborda da Gama
O presidente da Câmara de Lisboa e um professor universitário (especialista em direito fiscal) a viver na capital olham para os principais temas da atualidade. Às terças e quintas, às 9h15
A+ / A-
Arquivo
Fernando Medina e João Taborda da Gama - Rui Rio - 22/10/2019
Fernando Medina e João Taborda da Gama - Rui Rio - 22/10/2019

​J. Taborda da Gama

“Eleições no PSD podem ser uma surpresa”

22 out, 2019 • Redação


Comentadores da Renascença comentam anúncio feito por Rui Rio sobre a sua recandidatura à liderança do PSD.

O professor universitário João Taborda da Gama considera que “as eleições no PSD podem ser uma surpresa”. O comentador da Renascença lembra que quer Luís Montenegro, quer Miguel Pinto Luz quer podem ser alternativas a Rio.

Taborda da Gama considera ainda que já era previsível a recandidatura de Rio, à luz dos resultados eleitorais de 6 de outubro. “Rio concluiu que apesar da derrota não foi escorraçado do partido”, acrescenta.

Já o socialista Fernando Medina considera que Rui Rio “quer reposicionar o PSD na era pré-Passos Coelho, num partido de centra direita”.

“A sua estratégia política será de fingir-se de morto. Ele próprio já afirmou que o poder perde-se, não se ganha. Ele quer aguardar com alguma paciência e bonomia o desenrolar da legislatura e esperar que haja algum problema do ponto de vista económico que se traduza numa crise política no pais”, antevê.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.