|
A+ / A-

Governo completo. Costa pede audiência a Marcelo para revelar lista de secretários de Estado

20 out, 2019 - 19:03 • Redação com Lusa

Reunião está agendada para segunda-feira às 11h00.

A+ / A-

O primeiro-ministro indigitado já tem o elenco governativo completo. De acordo com uma nota do gabinete de António Costa, foi solicitada este domingo uma audiência ao Presidente da República para lhe apresentar os nomes dos secretários de Estado que vão integrar o Governo.

"O Primeiro Ministro solicitou hoje uma audiência ao Presidente da República para lhe apresentar os nomes dos secretários de Estado que farão parte do XXII Governo Constitucional", lê-se na nota enviada às redações.

No site da Presidência está disponível a informação de que essa reunião vai realizar-se na segunda-feira às 11h00.

"O Presidente Marcelo Rebelo de Sousa recebe amanhã, às 11 horas no Palácio de Belém, o Primeiro-Ministro indigitado, a pedido deste, que lhe vai apresentar a lista de nomes propostos para Secretários de Estado do XXII Governo Constitucional", diz a nota.

Na terça-feira, o primeiro-ministro apresentou ao chefe de Estado o elenco de 19 ministros do novo executivo, a que Marcelo Rebelo de Sousa deu o seu assentimento.

Na quinta-feira, o Presidente da República tinha afirmado que esperava dar posse a todos os membros do XXII Governo (secretários de Estado incluídos) na próxima quarta-feira ao final da manhã, contando que a Assembleia da República se reunisse já na terça-feira.

No entanto, um recurso apresentado pelo PSD na quinta-feira ao Tribunal Constitucional relativo aos círculos da emigração (os sociais-democratas pretendem que votos contabilizados como nulos, por não terem associado o documento de identificação, passem a ser contados como abstenção) deverá atrasar todo o processo.

As legislativas de 06 de outubro foram ganhas pelo PS com 36,34% dos votos e 108 deputados eleitos, quando estão atribuídos todos os mandatos, incluindo os quatro dos círculos eleitorais da Europa e de Fora da Europa.

De acordo com os resultados globais, divulgados no 'site' da Secretaria-Geral do Ministério de Administração Interna - Administração Eleitoral, já com os dados das votações nos 27 consulados, o PSD foi o segundo partido mais votado, com 27,76% dos votos e 79 deputados.

Elegeram ainda deputados para a Assembleia da República BE (9,52% dos votos e 19 deputados); CDU (6,33% e 12 deputados); CDS-PP (4,22% e 5 deputados); PAN (3,32% e 4 deputados); Chega (1,29% e 1 deputado); Iniciativa Liberal (1,29% e 1 deputado) e Livre (1,09% e 1 deputado).

A taxa de abstenção foi de 51,43%.

Últimaslegislativas 2019
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.