Londres

Dia crucial para o Brexit. Boris Johnson recusa-se a pedir novo adiamento da saída

20 out, 2019 - 11:15 • Sofia Freitas Moreira (edição) Reuters (imagem)

Milhares de pessoas concentraram-se este sábado, no centro de Londres, em protesto pela saída do Reino Unido da União Europeia. Os manifestantes, que encheram várias ruas da capital, reuniram-se na Praça do Parlamento britânico, local onde, ao longo do dia, os deputados se reuniram em sessão extraordinária para discutir o Brexit. A Câmara dos Comuns votou a favor da proposta que força Boris Johnson a pedir um adiamento do Brexit até ser aprovada no parlamento britânico a legislação que regulamente o acordo de saída. Após a aprovação da proposta, Boris Johnson recusou pedir o adiamento previsto na lei: "não vou negociar um adiamento, nem a lei me obriga a fazê-lo".

RSS iTunes URL Embed E-mail Facebook Twitter Whatsup Comentários
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.