|
A+ / A-

MotoGP

Miguel Oliveira em queda aparatosa no Japão

18 out, 2019 - 10:51 • Redação

Piloto português da KTM-Tech 3 caiu na curva 12 do circuito, mas não sofreu danos físicos significativos.

A+ / A-

O piloto português Miguel Oliveira sofreu mais uma queda, esta sexta-feira, durante a segunda sessão de treinos livres do Grande Prémio do Japão de MotoGP.

O luso da KTM-Tech3 foi o 18º mais rápido da segunda sessão, mas não conseguiu fazer a 12ª curva do circuito, tendo caído de forma aparatosa na gravilha.

Apesar da queda, Miguel não terá ficado com qualquer mazela física significativa e poderá estar na pista, no sábado, na terceira sessão de treinos livres e na qualificação.

"Estava a sentir-me bastante bem com a mota, a ganhar confiança, senti alguma limitação nesta pista com o meu ombro. É muito exigente nas paragens para o lado direito. Já sabia que iria ser complicado, mas as condições climatéricas apontarem para chuva amanhã, quisemos testar um pneu médio à frente. Não ganhou temperatura suficiente e caí logo na volta de saída. Um pequeno detalhe com uma grande consequência", disse o português.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.