A+ / A-
Fórmula 1

Segunda sessão de treinos livres pode dar "pole position" a Bottas no Japão

11 out, 2019 - 16:16 • Redação

Devido à passagem de um tufão, a terceira sessão de treinos livros foi cancelada e a qualificação vai decorrer no domingo, horas antes da corrida. Em caso de impossibilidade de realização, a segunda sessão de treinos livres terá decidido a grelha de partida.
A+ / A-

Valtteri Bottas pode sair da "pole position" no Grande Prémio do Japão, em caso de não ser possível a realização da qualificação, no domingo.

A passagem do tufão "Hagibis" no Japão está a afetar a realização da prova de Fórmula 1, este fim-de-semana. A organização decidiu cancelar todo o dia de sábado, em que se realizaria a terceira sessão de treinos livres e a qualificação.

A sessão de treinos foi cancelada, enquanto que a qualificação decorrerá no domingo, horas antes da corrida. No entanto, em comunicado, os comissários da Fórmula 1 anunciaram que, caso não seja possível realizar a sessão de qualificação, devido ao mau tempo extremo, terão sido os resultados da segunda sessão de treinos livres que decidiram quem parte da "pole position".

O mais rápido da FP2 foi Valtteri Bottas, como já tinha sido na primeira sessão da madrugada. O piloto da Mercedes foi uma décima de segundo mais rápido que o colega de equipa e líder do campeonato, Lewis Hamilton.

Max Verstappen foi terceiro, seguido dos dois Ferraris, Leclerc e Vettel, respetivamente. Alexander Albon, da Red Bull, Carlos Sainz, da McLaren, Sérgio Pérez, da Racing Point, Pierre Gasly, da Toro Rosso, e Lando Norris, da McLaren, podem fechar os dez primeiros lugares da grelha de partida.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.