A+ / A-

Ingleses dão mais tempo a Bernardo Silva para se defender da acusação de racismo

09 out, 2019 - 16:20 • Redação

Prazo terminava esta quarta-feira, mas foi alargado até dia 21. Brincadeira com Mendy pode dar até seis jogos de castigo.
A+ / A-

A federação inglesa de futebol deu mais tempo a Bernardo Silva para se defender das acusações de racismo.

O prazo terminava esta quarta-feira, mas o prazo foi prolongado até dia 21 de outubro.

O internacional português está ao serviço da seleção nacional para a dupla operação Luxemburgo e Ucrânia.

Bernardo Silva foi acusado de racismo depois de ter publicado nas redes sociais uma brincadeira sobre o colega e amigo Benjamin Mendy.

O médio do Manchester City comparou Mendy a “Conguito”, o boneco dos chocolates, e pode ser suspenso até 6 jogos.

Têm sido várias as vozes a defender Bernardo Silva, incluindo colegas de seleção, e o técnico Guardiola.


legislativas 2019 promosite
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.