Tempo
|
A+ / A-

Assunção Cristas vai deixar liderança do CDS

06 out, 2019 - 21:03 • Redação

Líder do CDS assume mau resultado e pede congresso extraordinário. "Construímos um projeto alternativo para o país que claramente não foi escolhido nestas eleições", afirmou.

A+ / A-
Cristas vai deixar liderança do CDS. "Dei o meu melhor durante quatro anos"
Cristas vai deixar liderança do CDS. "Dei o meu melhor durante quatro anos"

Assunção Cristas anunciou que vai pedir a convocação de um congresso extraordinário do CDS e revelou que não se recandidata.

“Perante este resultado, pedirei convocação do conselho nacional do CDS com vista à realização de um congresso antecipado”, declarou a líder centrista na sequência do resultado nas eleições legislativas deste domingo.

“Da minha parte, entendo que dei o meu melhor durante quatro anos, mas em face dos resultados, tomei a decisão de não me recandidatar", revelou Assunção Cristas.

A dirigente centrista a tem "a certeza que o CDS, partido estruturante da nossa democracia, encontrará forma de construir o seu futuro e contribuir para a construção de uma alternativa de centro-direita em Portugal”.

Assunção Cristas felicitou ainda o PS, "vencedor das eleições", e desejou a António Costa "sucesso na condução dos destinos do país”.

"Durante quatro anos o CDS foi oposição forte e construtiva a um Governo do PS, apoiado pelo Bloco, CDU e também pelo PAN”, sublinhou.

“Muitas vezes sentimos que fomos uma voz isolada no Parlamento. Construímos um projeto alternativo para o país que claramente não foi escolhido nestas eleições. Assumimos o resultado com humildade democrática”, declarou Assunção Cristas.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+